Crefito5 alerta para acidentes com fogos de artifícios

005962191

Com a chegada do final do ano, os fogos de artifício são figuras presentes em praticamente todas as festas para dar brilho e beleza às comemorações. No entanto, eles também podem representar perigo para crianças e adultos que não tomarem o devido cuidado ao manusear os artefatos.

Para evitar acidentes, é preciso estar atento a algumas dicas:

- Não solte fogos perto de hospitais, sob copas de árvores ou perto de fiações elétricas;

- Não entregue fogos de artifício a pessoas alcoolizadas ou pessoas inabilitadas para o uso;

- Prefira soltar os fogos de artifício em locais abertos, de preferência em áreas amplas e sem vegetação por perto;

- Nunca aponte para pessoas e verifique se não existem materiais combustíveis nas proximidades;

- Sempre siga as instruções das embalagens de fogos e siga a faixa etária de manuseio de cada um;

- Crianças, por principio de segurança, não devem soltar fogos e sempre devem estar acompanhadas por um adulto, para uso dos fogos que são permitidos para sua idade;

- Evite pegar o artefato com as mãos, dê preferência ao uso de suportes.

Nessa época aumentam os números de pessoas vítimas de acidentes com fogos de artifício. A vice presidente do Crefito5, Lenise Hetzel, alerta que é preciso tomar cuidado pois as consequências podem ser devastadoras. “Uma brincadeira com fogos de artifício sem responsabilidade, pode ter danos que vão desde uma queimadura de fácil recuperação até casos mais grave, como a perda de membros, resultando no uso de adaptações e na necessidade de atendimentos mais prolongados que incluem fisioterapia e terapia ocupacional. Nesses casos, o desempenho é prejudicado, obrigando a troca de ocupação, sem contar as questões emocionais envolvidas”, afirma.