Crefito5 solicita modificação de agente da GEAP

Autonomia

A operadora de saúde GEAP emitiu uma carta aos seus prestadores de serviço sobre solicitação de procedimentos não médicos. Nesta carta impõe regras  exigindo o envio do pedido médico contendo diagnóstico para realização de procedimentos integrantes de especialidades não médicas, que são elas: Acupuntura, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Psicoterapia e Terapia Ocupacional.

Nos itens A) Acupuntura: vedada a realização do procedimento por fisioterapeutas e no item B) Fisioterapia: tratamento fisioterapêutico deve ser indicado por profissional médico.

O Crefito5 envia um ofício para  a operadora de saúde GEAP solicitando imediata revisão visto o fisioterapeuta ter assegurado por lei toda sua autonomia profissional, não dependendo de qualquer outro profissional para o seu pleno exercício. Caso não haja modificação o CREFITO-5 tomará as medidas cabíveis junto à outras instâncias para assegurar a autonomia profissional.

As profissões de Fisioterapia e Terapia ocupacional são regulamentadas pelo Decreto-Lei nº 938/1969 sabendo que os atos normativos e de fiscalização destas profissões são executados pelo COFFITO/CREFITO definido na Lei n6.316/1975.

Clique aqui para ler a carta emitida pela GEAP.

Clique aqui para ler o ofício emitido pelo Crefito5.