Jornada de Microcefalia aborda epidemiologia, estimulação precoce, adaptações e inclusão social

jornadaMicrocefalia

O Crefito5 em parceria com a Associação Cultural dos Terapeutas Ocupacionais do Rio Grande do Sul (ACTORGS), promoveu nos dias 10 e 11 de junho em Porto Alegre a Jornada “Microcefalia – epidemiologia, estimulação precoce, adaptações e inclusão social”. A vice-presidente do Crefito5, Lenise Hetzel, representou o Conselho na abertura do evento que reuniu terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas no hotel Coral Tower.

O objetivo principal da jornada foi combater a desinformação e discutir questões como qual será o futuro dessa geração, quais adaptações serão necessárias, além de como será a reabilitação e a inclusão dessas crianças.

Os temas foram discutidos em mesas redondas e palestras. Segundo a vice-presidente do Crefito5, o evento foi muito proveitoso. “Foi muito interessante a quantidade de informações fornecidas e a troca de experiências sobre o assunto. É importante termos um panorama geral de como está a situação da doença e quais as perspectivas no estado”, afirmou Lenise.