Plenária aprova resolução do estágio não obrigatório e regimento da Comissão do Jovem Profissional

12783794_945685682166128_1973875852780047833_o

Os conselheiros do Crefito5 se reuniram em Plenária no último sábado, 27 de fevereiro. Dentre os assuntos abordados, estão a Resolução nº 23/2016 que dispões sobre o estágio não obrigatório e o regimento da Comissão do Jovem Profissional.

A Resolução do Estágio Não Obrigatório de Fisioterapia e Terapia Ocupacional foi amplamente discutida e aprovada pelos conselheiros. A resolução estabelece as regras sobre documentação para a habilitação do exercício do estágio não obrigatório de Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

Conforme o Art. 4º da Resolução, o estágio não obrigatório deverá ser registrado no Crefito5 por requerimento escrito, mediante o preenchimento de ficha de cadastro, a qual conterá informações e assinaturas do estagiário, da IES, da parte concedente e do estágio a ser executado. A ficha de cadastro deverá ser entregue no Conselho até 10 dias da assinatura do Termo de Compromisso, acompanhada dos seguintes documentos: cópia do termo de compromisso; cópia de documento de identidade oficial, com foto, do estagiário; duas fotos recentes de 2×2 (dois por dois), com fundo branco, do estagiário. Após esse procedimento, o Conselho fornecerá para o estagiário um crachá de identificação de uso OBRIGATÓRIO pelo estagiário durante seus atendimentos.

Após essa reunião Plenária está oficialmente constituída a Comissão do Jovem Profissional do Crefito5. A Comissão Tem por finalidade promover, orientar, discutir, propor e avaliar as questões e demandas relacionadas aos jovens profissionais nas áreas de Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

Criada com o objetivo de estimular a participação dos jovens profissionais e dos alunos de graduação dos cursos de Fisioterapia e Terapia Ocupacional nas ações educativas, sociais e culturais do Crefito5; planejar ações educativas, sociais e culturais visando à aproximação entre os profissionais e a comunidade; e fomentar a participação do jovem profissional nos diferentes espaços de construção política profissional, a Comissão do Jovem Profissional é composta por um coordenador (conselheiro), um profissional Fisioterapeuta e um profissional Terapeuta Ocupacional com, no máximo, três anos de formados.

Estiveram presentes na Plenária os conselheiros Fernando Prati, Cesar Abs De Agosto, Eduardo da Rosa, Rosemeri Suzin, Monica Thomé e Marcelo Rieder, além do assessor jurídico, Leomar Lavratti.